segunda-feira, julho 30, 2007

Design Automotivo


Então...

Hoje comprei o Barricade. Ele é o decepticon que vira carro de polícia.

O Barricade é um dos robôs da série "Deluxe Class", que são mais bem acabadinhos. Se você reparar nas fotos, vai perceber que o carro é muito muito muito igual ao do filme, com todos aqueles detalhezinhos tipo a inscrição "to punish and slave" na traseira e o símbolo decepticon dentro do escudo da força policial. Uma coisa que eu gosto bastante são os "vidros" transparentes. Dá pra ver o interior do carro. E o mais bacana é que olhando pra ele na forma de carro, não dá pra perceber as partes do robô.







Na embalagem vem um texto indicando o produto para crianças maiores de 5 anos. Bem, eu sou uma criança maior de 5 anos. Levei 10 minutos pra transformar o carro em robô. E depois 20 pra transformar o robô em carro de novo. Isso porque dá um medo danado de quebrar a porcariazinha. A impressão que dá é que você está torcendo um biscoito creamcracker. Nas instruções vem um aviso de que umas peças foram planejadas para se desconectar quando puxadas ou apertadas com força demais... se isso acontecer é só apertar de volta no lugar... Uma boa sacada. Ainda assim, como brinquedo o Barricade é uma bela porcaria. Fico pensando um guri de 9 anos brincando com esse negócio, tentando fazer a transformação sem quebrar o robô. Se eu tivesse 9 anos, me sentiria bastante frustrado.

Mas como eu tenho 30, levei na boa.

O curioso é que quando eu entrei na loja tinha um outro cara olhando os robôs. Pensei que ele tava procurando um presente pro filho, mas quando ele perguntou pra atendente "você tem o Starscream? É aquele que se transforma num F-22..." eu vi que ele era fã. Nenhum pai normal sabe o nome dos transformers e poucas pessoas sabem que ele vira um F-22. No filme. No desenho animado ele virava um F-15. A mesma atendente comentou comigo que metade das pessoas que procuravam os robôs não eram crianças, mas sim adultos por volta da casa dos trinta anos, saudosos dos brinquedos dos anos 80. Mais uma curiosidade: Barricade e os outros decepticons não eram escolhidos pelas crianças que achavam eles do "mal". Sorte minha.

Por fim, uma das coisas que me fascina é o design desse transformer. Ele tem uns encaixes entre as peças que dificultam a transformação, mas por outro lado fazem com que as partes se travem na forma de carro. Isso evita que o carro fique se "desmanchando", como os meus primeiros transformers de uns 20 anos atrás. Já imaginou que legal ser designer de transformers? Ficar imaginando os encaixes, adequando as peças aos modos de produção, resolvendo os problemas de manuseio e tal... Acho que é isso que eu curto nesses brinquedos.

Na verdade, tudo isso é design. Imaginar o público alvo, conceber várias versões do mesmo robô, da mais simples à mais sofisticada, procurando atingir de crianças a nerds de 30 anos, imaginar soluções de encaixe e produção, embalagem, manual de instruções. Super-cool. Abaixo umas imagens do Barricade. Foram tiradas do site Seibertron. E por fim, o folheto de instruções que veio junto com o Barricade.

Legal, né?












Ah. Esqueci de comentar... O Frenzy, aquele robô hacker super-cafeínado do filme, acompanha o Barricade. Ele vem integrado como parte do robô...





Agora sim...
Legal, né?
Hein?
Hein?
Hein?

Um comentário:

Cin Jazz disse...

Onde você comprou esse?
Eu quero um Camaro, hehehe!