sábado, setembro 06, 2008

Letra e Música




Design é um tesão. Pode não ser a melhor das profissões, mas é um tesão.

Nas aulas de tipografia, a gente fica olhando pra esse universo das letras e todas as suas possibilidades. As letras dão forma ao pensamento e podem comunicar muito mais do que o significado direto das palavras. Cores, fontes, layouts dão força às idéias e constroem significados maiores do que o olho consegue ver. E procurando por aí, encontramos muita coisa legal seguindo essa idéia.

Esse é o videoclip Ya no sé que hacer conmigo, da banda uruguaia Cuarteto de Nos. Além da brincadeira bacana com as letras, o som dos caras é sensacional. A banda existe desde 1984 e eu nunca tinha ouvido falar dos muchachos. E eles moram logo ali, ao lado do Rio Grande. Como pode? Quanta coisa legal deve estar por aí e a gente ainda não conhece? Mundo louco...

Seguindo essa idéia de brincar com palavras escritas e faladas, encontramos uma série de filminhos bacanas no Youtube que dão uma "interpretação tipográfica animada" a diálogos de diversos filmes. Basta escrever "typography" que se abre uma série de tópicos envolvendo filmes como Clube da Luta, V de Vingança, O Grande Lebowski, Donnie Darko, Little Miss Sunshine e por aí vai.

Dessa leva de filmes "tipográficos" eu destaco o trabalho de Jarratt Moody e sua interpretação do texto do personagem de Samuel L. Jackson no filme Pulp Fiction.



Nenhum comentário: