quinta-feira, março 05, 2009

Não, o sofá ainda não chegou...


Ele morreu?

Sumiu?

Que fim levou?

Mudou-se. Mudou tudo. Vive agora a vida dos sonhos, a vida que queria ter ou que pensava que queria. O preço de se conseguir aquilo que se quer é ter aquilo que um dia se quis, dizem.

Mas eu quero, ainda quero, como eu quero, uou-uou-uou.

O fato é que as coisas nunca estiveram tão bem, tão assustadoramente bem. Até a velha fantasia de ir pra cama com duas garotas ele realizou. Duas garotas que ele ama de verdade, ainda por cima. E que o amam também.

Loucura, loucura, loucura.

Da sacada uma vista de luzes e concreto. Precisa comprar um binóculo para acompanhar as vidas das pessoinhas nas janelas da vizinhança. As fachadas dos prédios ao redor parecem páginas de gibi, cada janela um quadrinho com uma história.

A sala ainda não tem sofá. Tem um colchão jogado no chão, uma tv e uma pilha de livros e revistas acumulados de anos. Tudo coisa boa.

A sala também ainda não tem internet. Um mês sem internet na casa nova. Não deu pra atualizar blog, nem ver e-mail. Mas deu pra receber bons amigos e ter muitas conversas e começar a perceber aos poucos o tamanho da gigantesca, fabulosa e definitiva Mudança.

Fotos tiradas pelo amigão Claudio Thiele. WAZAAAAAAAA!!!!

4 comentários:

Sabrina disse...

EBA! ^^

Anônimo disse...

Lindas fotos!

Marcelo Andreo disse...

ohoooo. doutor!!! feliz mudança, ai!!

Anônimo disse...

Ei "velho amigo",

Compra um sofá no Mercado das Pulgas.
(Hehehe)

T+
---
LVR