sexta-feira, outubro 01, 2010

Caderno Listrado

No dia 10 de setembro (é já faz um tempinho...) rolou o Zíper Bazar lá no Wonka. Livros, buttons, comidinhas especiais e muito gostosas, roupas, música e muita gente bacana. Além da Mitie, Rômolo, Giusy e toda a patotinha bacana, tava a turma do Caderno Listrado lançando livro.

E além de livros, o pessoal da Caderno Listrado faz os sketchbooks favoritos desse que vos escreve. Daí, lá no festerê do Wonka, tinha um cadernão listrado passeando pra quem quisesse rabiscá-lo. Eu estava bem torto e já tinha declamado o "na vida de um homem, duas coisas podem acontecer" umas cinco vezes, a galera tava quase me dando uma surra. Daí alguém me deu o cadernão, as canetinhas e falou "desenha e fica quietinho aí". Daí eu desenhei.


Gosto desse desenho porque eu fiz de cabeça, tendo por referência apenas a memória de uma foto que tinha visto aí pelo ciberespaço. Eu falo que o cigarro é socializante, mas fiz algumas amizades com o pessoal que de repente aparecia olhando por cima do meu ombro e comentava o trabalho. O desenho também é socializante. :-)

Quero dar um muito obrigado ao Daniel e seus cadernos listrados. Foi com eles que eu recomecei a desenhar uns meses atrás. Sketchbook é importante, porque cada desenho torto que tu faz ajuda na construção do teu trabalho. No sketchbook vale tudo, liberdade total pra voar no traço, no pensamento, na vida.

Um dia posto aqui os desenhos etílicos feitos no Barbaran...

(Ah, um muito obrigado também pro Silver, que deu o empurrão que eu precisava pra pular de cabeça nos sketchbooks! Valeeeeu!)

2 comentários:

José disse...

Muito bom Liber! Nunca tinha comentado aqui, parabéns pelo teu blog, muito bacana os trabalhos.
E valeu pela dica do Sketchbook, o primeiro pensamento que me veio qdo comprei foi "putz, to jogando dinheiro fora em algo q vou deixar largado num canto" mas não foi o que aconteceu confesso que também fiquei mais entusiasmado em desenhar hehe!
Fera teu rinoceronte ali!
abraço!

liber disse...

José (Péricles?)

Sketchbook é o negócio. Acaba com qualquer insegurança. Negócio é desenhar. :-)

Obrigado pelo comentário! Apareça sempre!

Vambora desenhar!