terça-feira, maio 31, 2011

Do sketchbook

Tem aquela hora que você começa a tentar achar um estilo, um jeito próprio de desenhar. Todo mundo tem um estilo, o problema é encontrá-lo. Não se trata de "saber desenhar" ou de "desenhar bem", mas de fazê-lo espontaneamente. Deixar acontecer.

Lógico que pra "deixar acontecer" tem muitas e muitas horas de trabalho no papel.

Gosto do pincel seco, gosto de figuras mais geometrizadas, simples. Quero ver se trabalho mais isso.

Nenhum comentário: