sábado, dezembro 03, 2011

O emprego

Sempre me incomodaram aquelas propagandas de universidades e cursos que tem como principal objetivo atender as demandas do "mercado de trabalho".

Isso porque eu acho o tal "mercado de trabalho" uma coisa que é na grande maioria do tempo uma força esmagadora, burra, estúpida, cruel e desumana.

Também acho os discursos motivacionais do tipo "vista a camisa da empresa" uma afronta à inteligência. No fundo, o que interessa é amaciar o "trabalhador" pra que ele possa oferecer o melhor rendimento possível pra empresa.

Você pode argumentar que não é bem assim, e eu concordo com você. Essas minhas opiniões só se aplicam à grande maioria do tal "mercado de trabalho". Experimente acompanhar a rotina dos vendedores de shopping e do pessoal das grandes redes de supermercado pra ver se eu estou errado.

Enfim, taí essa animação argentina, linda de doer e que mesmo com situações absurdas não está muito longe do nosso mundo real.

Olha aí o making of dela:


4 comentários:

Gel disse...

exato!

Carol Capellani disse...

Tem um doc muito bom que fala bem sobre isso, só discordo do final, da solução que ele propõe, mas o resto é muito foda, se vc quiser assistir, vale muito a pena!
http://www.youtube.com/watch?v=Sgd4xLmLBrc&feature=youtu.be

beios

Leleca disse...

ai, caramba!

Fernando Henrique disse...

Também tenho essa sensação. Além disso as universidades não só querem preparar as pessoas para o mercado de trabalho, como também imitam esse mercado, enchendo os professores de relatórios e artigos e os alunos de trabalhos sem sentido. Acredito que o papel das universidades é mudar a sociedade e não repetir o seu modelo que não vem dando ceto.